Esporte

29/09/2018 21:16 gazetaesportiva.com.br

Corinthians perde chances e fica no empate sem gols com o América-MG

O Corinthians não conseguiu transformar suas chances criadas em gol na noite deste sábado, contra o América-MG, no Independência. Em uma das suas melhores performances recentes, o Alvinegro dominou a posse da bola e as finalizações, mas parou no goleiro João Ricardo e na falta de pontaria.

Com o 0 a 0, atrapalhado também por um pênalti claro não dado sobre Gabriel, no final do jogo, o Timão fica com 35 pontos, longe do G6 e sem conseguir se afastar da zona de rebaixamento. Os mineiros, por outro lado, vêm com 32.

Na próxima rodada, os comandados de Jair Ventura terão pela frente justamente o Flamengo, clube eliminado pelo Alvinegro na semifinal da Copa do Brasil. O embate está marcado para a sexta-feira, às 21h (de Brasília), na Arena. Do outro lado, os mineiros visitam o Atlético-PR, às 16h (de Brasília) do sábado, dia 6, na Arena da Baixada.

O Corinthians fez em Belo Horizonte talvez seu jogo mais bem jogado desde que Jair Ventura assumiu o comando da equipe. Com um quarteto ofensivo bastante móvel, o clube envolveu com facilidade a marcação do time da casa e só não abriu o placar antes dos 15 minutos porque, na melhor chance, João Ricardo defendeu boa finalização de Mateus Vital, dentro da área, após cruzamento de Carlos.

Aparentemente perdido em campo, o Coelho viu o Timão chegar em outras oportunidades à sua área, mas as finalizações corintianas não tiveram grande precisão. Na sua única resposta no primeiro tempo, os anfitriões contaram com um bom giro de Ruy sobre Ralf, lançando Gerson Magrão e vendo o companheiro mandar por cima do gol.

O susto fez com que os paulistas apostassem mais na posse de bola, deixando de ser agudos a cada posse de bola. Até o final do primeiro tempo, a chance mais clara saiu quando Mateus Vital deixou Ferraz no chão dentro da área, mas mandou em cima de João Ricardo.

Corinthians erra e juiz ignora pênalti

A etapa final mostrou um jogo bem menos movimentado do que os 45 minutos iniciais. Incomodado com o espaço dado pela sua equipe, Adilson Batista voltou com duas alterações já do intervalo: o volante Juninho e o atacante Matheusinho, buscando dar mais mobilidade à sua equipe.

Com um América-MG mais bem postado dentro da sua área. o duelo perdeu em criatividade e obrigou Jair a buscar alternativas. Díaz estreou na vaga de Clayson, Thiaguinho foi acionado para substituir Araos e, por último, Roger entrou no gramado para a tentativa de um gol no final.

Prejudicado pela arbitragem em um impedimento mal marcado de Clayson, o Timão ainda viu o juiz errar novamente no final ao ignorar pênalti claro sobre Gabriel, derrubado por Gerson Magrão quando invadia a área. O placar, no entanto, ficou no 0 a 0.

FICHA TÉCNICA
AMÉRICA-MG 0 x 0 CORINTHIANS

Local: Estádio Independência, em Belo Horizonte (MG)
Data: 29 de setembro de 2018, sábado
Horário: 19h00 (de Brasília)
Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (RJ)
Assistentes: Michael Correia (RJ) e Silbert Faria Sisquim (RJ)
Público: 8.012 presentes
Renda: R$ 99.755,00
Cartões amarelos: Clayson (Corinthians)

AMÉRICA-MG: José Ricardo; Aderlan, Matheus Ferraz, Messias e Luan; Leandro Donizete, David (Juninho), Robinho (Zé Ricardo), Ruy e Gerson Magrão; Wesley Pacheco (Matheusinho)
Técnico: Adilson Batista

CORINTHIANS: Cássio; Gabriel, Henrique, Léo Santos e Carlos Augusto; Ralf e Araos (Thiaguinho); Romero (Roger), Pedrinho, Mateus Vital e Clayson (Díaz)
Técnico: Jair Ventura


EXPEDIENTE

RÁDIO CIDADE - A Nº 1 - A VOZ DO VALE DO PEIXOTO
Telefones: (66) 3595-1144 ou 3595-1578
Celular: (66) 9 9937-1144

Redes Sociais

Rádio Cidade - Todos os Direitos Reservados.

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo