Esporte

04/10/2018 06:07 gazetaesportiva.com.br

Botafogo é superado nos pênaltis, e Bahia vai às quartas da Sul-Americana

Bahia se classificou para as quartas de final da Copa Sul-Americana ao derrotar o Botafogo, na disputa de pênaltis, por 5 a 4, em partida disputada na noite desta quarta-feira, no estádio Nilton Santos. O Alvinegro de General Severiano venceu no tempo normal por 2 a 1, mesmo placar da vitória baiana no jogo de ida, o que forçou a decisão por pênaltis. Na próxima fase da competição, o Bahia vai enfrentar o Atlético-PR. Marcinho e Moisés desperdiçaram as cobranças do lado do Botafogo, enquanto Rodrigo Lindoso, Aguirre, Renatinho e Kieza converteram. Do lado do Bahia, Gilberto, Zé Rafael, Allione, Nilton e Fávio marcaram, enquanto Jackson desperdiçou a sua cobrança.

A partida foi marcada pelo equilibrio. No primeiro tempo, o Botafogo começou melhor e saiu na frente com Rodrigo Pimpão, mas o Bahia empatou com Edigar Junio. O Alvinegro passou à frente com Luiz Fernando. No segundo tempo, o a partida ficou mais equilibrada. O Bahia voltou mais organizado e controlou as ações, enquanto a equipe de General Severiano tentou pressionar na base da emoção, mas não obteve sucesso na tentativa de conseguir uma vantagem que lhe garantisse a vaga.

O jogo – Apoiado por uma torcida entusiasmada, o Botafogo iniciou o jogo no ataque.diante de um adversário que mostrava uma certa cautela. Aos quatro minutos, Kieza arrancou pela esquerda, entrou na área e cruzou para a entrada de Rodrigo Pimpão, mas Tiago desviou para escanteio. Na cobrança, Igor Rabello cabeceou e quase que Rodrigo Pimpão aproveita a sobra. A resposta do Bahia veio com investida de Gilberto pela esquerda, mas o cruzamento do atacante foi defendido por Saulo.

O Botafogo tentava imprimir velocidade ao jogo, mas o Bahia não dava liberdade aos jogadores cariocas e ainda mantinha Gilberto entre os zagueiros Joel Carli e Igor Rabello. Aos 12 minutos, Rodrigo Pimpão cruzou fechado e o goleiro Douglas se antecipou aos atacantes e afastou, de soco, o perigo da sua área. Três minutos depois, Kieza deu passe preciso para Rodrigo Pimpão que invadiu pela esquerda e bateu por cima. Na jogada seguinte, o goleiro Douglas evitou o primeiro gol ao defender um chute forte de Rodrigo Lindoso, na entrada da pequena área.

Aos 20 minutos, Gilberto desarmou Igor Rabello que recamou de falta, investiu pela direita e chutou forte, mas a bola bateu na rede pelo lado de fora. O Alvinegro carioca desperdiçou uma boa chance aos 24 minutos. Após boa jogada de Luiz Fernando pela esquerda, Rodrigo Pimpão escorou para Rodrigo Lindoso que furou na hora de chutar.
Aos 26 minutos, o Botafogo marcou o primeiro gol. Rodrigo Pimpão arrancou para a área, Kieza, impedido, não participou do lance, e Pimpão entrou só para dar um toque preciso e tirar do goleiro Douglas que saiu para tentar fechar o ângulo. Logo depois, o técnico Enderson Moreira precisou queimar uma substituição quando o zagueiro Tiago sentiu um estiramento na coxa esquerda e foi forçado a deixar o campo.

O Bahia partiu para o ataque e deixou tudo igual aos 33 minutos. Após cruzamento da esquerda, Gilberto escorou de cabeça e Edigar Junio completou para as redes, sem chances para o goleiro Saulo. Depois de sofrer o gol, a equipe dirigida por Zé Ricardo demorou algum tempo para voltar a ter o controle das ações, mas não deixou de buscar o ataque. O Botafogo desempatou aos 39 minutos quando Luiz Fernando recebeu ótimo passe de Matheus Fernandes, driblou o goleiro Douglas e tocou mansamente para o fundo das redes.

Os dois times voltaram sem mudanças para o segundo tempo. E o primeiro momento do ataque foi do Bahia que buscou o gol em chute de Nino Paraíba que passou longe do gol defendido por Saulo. O Botafogo respondeu com uma cobrança de lateral de Marcinho. Kieza desviou, de cabeça, e Rodrigo Pimpão, livre na pequena área, não alcançou a bola. O Bahia voltou a ameaçar aos cinco minutos em boa investida de Gilberto que ganhou da zaga, mas perdeu o ângulo, e bateu por cima.

O jogo ficou mais aberto com as duas equipes buscando o gol para evitar a decisão por pênaltis.Aos sete minutos, Luiz Fernando fez ótima jogada pela direita e cruzou na área, mas Rodrigo Pimpão cabeceou por cima do travessão, sem levar perigo para Douglas.

O Bahia quase chegou ao empate aos 12 minutos quando Vinicius lançou Edigar Junio, mas Marcinho conseguiu evitar o chute e desviar para escanteio. Logo depois , o goleiro Saulo fez defesa difícil em chute de Vinicius.
Logo depois do susto, o técnico Zé Ricardo trocou o volante Matheus Fernandes pelo meia Renatinho, para tentar melhorar o poder ofensivo da sua equipe.O Bahia ficava mais tempo com a bola e levava perigo, com frequência, ao gol defendido por Saulo. Aos 24 minutos, o goleiro alvinegro conseguiu uma defesa difícil em cobrança de falta executada por Vinicius. Logo depois, a torcida alvinegra tomou outro susto com um chute de Zé Rafael que desviou em Marcinho e encobriu o travessão.

A equipe visitante ficava mais tempo com a bola e controlava o ritmo, enquanto o Botafogo optava por lançamentos para os atacantes que eram facilmente bloqueados pela zaga baiana. O Botafogo só apareceu na área baiana aos 35 minutos quando Aguirre tabelou com Kieza e lançou Pimpão, mas o goleiro Douglas saiu bem e ficou com a bola.
Aos 39 minutos, o goleiro do Bahia apareceu para defender em chutes sucessivos de Rodrigo Pimpão e Rodrigo Lindoso. Nos minutos finais, o Botafogo pressionou em busca do terceiro gol que garantiria a classificação, mas o Bahia soube se defender e levar a decisão da vaga para a disputa de pênaltis.

FICHA TÉCNICA
BOTAFOGO-BRA 2(4) X (5)1 BAHIA-BRA

Local: Estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 3 de outubro de 2018 (Quarta-feira)
Horário: 21h45(de Brasília)
Árbitro: German Delfino (Argentina)
Assistentes: Gustavo Rossi (Argentina) e Ezequiel Brailovsky (Argentina)

Cartão Amarelo: Matheus Fernandes(Bota); Vinicius, Flávio, Nino Paraíba(Ba)
Gols:
BOTAFOGO: Rodrigo Pimpão, aos 26 minutos e Luiz Fernando, aos 39 minutos do primeiro tempo
BAHIA: Edigar Junio, aos 33 minutos do primeiro tempo

BOTAFOGO: Saulo; Marcinho, Joel Carli, Igor Rabello e Moisés; Matheus Fernandes(Renatinho), Rodrigo Lindoso, Gustavo Bochecha(Marcelo Benevenuto) e Luiz Fernando(Aguirre); Rodrigo Pimpão e Kieza
Técnico: Zé Ricardo

BAHIA: Douglas; Nino Paraíba, Douglas Grolli, Tiago(Jackson) e Flávio; Nilton, Vinicius(Allione) e Zé Rafael;Edigar Junio(Clayton) e Gilberto
Técnico: Enderson Moreira

 

EXPEDIENTE

RÁDIO CIDADE - A Nº 1 - A VOZ DO VALE DO PEIXOTO
Telefones: (66) 3595-1144 ou 3595-1578
Celular: (66) 9 9937-1144

Redes Sociais

Rádio Cidade - Todos os Direitos Reservados.

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo