Esporte

06/10/2018 18:36 gazetaesportiva.com.br

CR7 marca, Juventus vence Udinese e mantém 100% de aproveitamento

Juventus segue reinando soberana no Campeonato Italiano. Líder isolada e com sobra, a Velha Senhora visitou a Udinese na tarde deste sábado, em partida válida pela oitava rodada da competição, e confirmou o favoritismo, vencendo pelo placar de 2 a 0, com gols de Bentancur e dele, Cristiano Ronaldo.

Com o resultado, o time de CR7 segue sem perder na temporada, mantendo 100% de aproveitamento e chegando a 24 pontos, nove a mais que o segundo colocado, Napoli – que ainda entra em campo neste fim de semana. A Udinese, por sua vez, conhece sua terceira derrota consecutiva e estaciona nos oito pontos, sem conseguir se distanciar da zona do rebaixamento.

A Juve volta a campo pela campeonato nacional apenas no dia dia 20 de outubro, sábado, quando recebe em seus domínios a equipe do Genoa, às 13h (de Brasília). No mesmo dia, às 15h30 (de Brasília), é a vez da Udinese medir forças com o Napoli, mais uma vez em sua casa.

Como era de se esperar, a Juventus começou o jogo ficando mais com a bola no pé e trocando passes, na tentativa de achar espaços e furar a marcação da Udinese, que se mantinha fechada para evitar a inauguração do placar.

A primeira boa chance aconteceu com ele, Cristiano Ronaldo. Aos seis minutos, o gajo recebeu na entrada da área, ajeitou para a perna direita e soltou a bomba. A bola desviou na defesa e quase encobriu o goleiro Scuffet, mas acabou saindo.

Com exceção deste lance do português, a primeira metade do jogo não teve muitas emoções. A Velha Senhora tinha o controle do jogo, a posse de bola, mas não conseguia converter a superioridade a seu favor, esbarrando no bloqueio adversário e desperdiçando várias finalizações.

Pressão demora, mas dá resultado

Enfim, depois de muito tentar, depois de pressionar a Udinese em seu campo de defesa durante praticamente 30 minutos, a Juventus abriu o placar. Com 32 minutos de bola rolando, em contra-ataque, Szczesny saiu jogando com CR7, que carregou até o meio e tocou para Dybala. O argentino abriu na direita para Bentancur, que enfiou para Cancelo e recebeu de volta na área, cabeceando para o fundo do gol.

Abriu a porteira

A partir daí, a Juve se soltou de vez. Perdeu uma grande chance com Mandzukic,  que parou em bela defesa à queima-roupa de Scuffet. Mas, no minutos seguinte, aos 36, o croata apareceu novamente, ganhou a disputa de bola dentro da área e rolou na medida para Cristiano Ronaldo, que soltou a perna para ampliar para os visitantes.

Apesar da vantagem, a Velha Senhora se mantinha no campo de ataque em busca do terceiro, enquanto a Udinese parecia ter sentido o golpe, se abrindo mais. Por outro lado, a equipe da casa tentou arriscar um pouco, se lançando ao ataque e até levou perigo com um cute firme de Barák, que saiu por pouco à esquerda do gol de Szczesny.

Juve controla, mas não marca

A Juventus voltou do intervalo mantendo o mesmo roteiro da primeira etapa. Controlava a posse e trocava passes. Tomou um susto aos quatro minutos, quando em cobrança de falta, a bola ficou viva na área e Lasagna deu um toque, mas Alex Sandro conseguiu evitar o gol por questão de centímetros.

Recuperada do breve abalo, a equipe visitante logo reagiu. Aos nove minutos, Dybala fez grande jogada pela direita, carregou para o meio, invadiu a área, ajeitou para bater, mas na hora de finalizar, pegou muito embaixo da bola e acabou isolando.

A Juventus tinha o controle do jogo, mas ao contrário do que aconteceu na primeira etapa, a Udinese conseguiu criar mais oportunidades e quase diminuiu aos 15 minutos, quando Barák recebeu na entrada da área e bateu colocado, mas a bola saiu por muito pouco.

Com 24 completos, quase o terceiro da Juve. Cristiano Ronaldo dominou dentro da área e rolou para trás para Bernardeschi, que pegou de primeira. Seria gol, se Scuffet não tivesse defendido no contrapé, em uma grande defesa.

Segunda metade agitada

Na segunda metade da etapa complementar, a partida agitou, com chances lá e cá. Primeiro, o chute de Mandzukic, que bateu de primeira. O chute cruzado saiu rasteiro e tirou tinta da trave direita. A resposta foi imediata, com chute firma de fora da área de Pussetto. que obrigou Szczesny a fazer boa defesa.

Logo na sequência, Cristiano Ronaldo finalizou praticamente sozinho da marca do pênalti, mas Scuffet, novamente no contrapé, defendeu com a perna esquerda, salvando a Udinese.

Aos 39, Cancelo recebeu na entrada da área e soltou uma bomba de direita. Scuffet ainda encostou nela, e a bola explodiu no travessão.

Com tranquilidade, a Juventus administrou o resultado e confirmou seu favoritismo, garantindo mais uma vitória na temporada.

Abaixo todos os confrontos programados para este fim de semana pela competição, respeitando o horário de Brasília:

Sexta-feira
15h30 Torino 3 x 2 Frosinone

Sábado
10h Cagliari 2 x 0 Bologna
13h Udinese 0 x 2 Juventus
15h30 Empoli x Roma

Domingo
7h30 Genoa x Parma
10h Atalanta x Sampdoria
10h Lazio x Fiorentina
19h Milan x Chievo
13h Napoli x Sassuolo
15h30 SPAL x Internazionale


EXPEDIENTE

RÁDIO CIDADE - A Nº 1 - A VOZ DO VALE DO PEIXOTO
Telefones: (66) 3595-1144 ou 3595-1578
Celular: (66) 9 9937-1144

Redes Sociais

Rádio Cidade - Todos os Direitos Reservados.

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo