62 escolas municipais precisam de reforma nos telhados

Sessenta e duas escolas municipais precisam ter seus telhados completamente reformados. A informação é do secretário municipal de Educação, Alex Vieira Passos. Como o Município tem 162 unidades, o dado apresenta que 38% das escolas não estão em condições ideais. 

"Nossas escolas são todas da década de 80, no máximo 90. Na gestão anterior foram muito focados nas novas unidades e foi deixado as manutenções de lado", pontuou em entrevista ao Jornal do Meio Dia, da TV Vila Real. 

Ele explicou que os casos são de reestruturação, e não de reparo. Todos os telhados e a parte elétrica devem ser retirados e apenas as paredes devem ser mantidas para a reforma. A obra foi orçada em R$ 30 milhões e está em processo de licitação.

"Se quebrar um piso é ok, se quebrou uma porta é ok, porque dá para continuar na sala, agora imagina se começar a cair água do teto, por exemplo, é desumano", completou.

Durante entrevista, Passos ainda falou com relação ao projeto de hora estendida, uma das principais propostas do prefeito Emanuel Pinheiro para sua eleição. O secretário explicou que a previsão é que em 2020 mais 9 escolas sejam incluídas no programa.

"Não dá para implantar um projeto sem um piloto. Então nós implantamos em uma unidade e funcionou perfeitamente. Pegamos o resultado com a nossa equipe em 2017. 2018 também funcionou em 4 unidades. Nessa hora estendida é o momento em que o pai sai do trabalho e busca seu filho", explicou.      

Por: GD

Comentários